Softbank (9984) faz investimento bilionário em ações

ANÚNCIO

O Softbank (9984), um conglomerado japonês, registrou nesta segunda-feira (9) investimento de US$ 1,3 bilhão em compra de ações de empresas americanas e em outras aplicações entre janeiro e setembro deste ano.

Em setembro, o Wall Street Journal e o Financial Times noticiaram as grandes apostas do CEO Masayoshi Son com a compra de cerca de US$ 4 bilhões em opções vinculadas às ações de gigantes de tecnologia com papéis listados nas Bolsas dos EUA.

ANÚNCIO

Ainda, em meio à expectativa pela divulgação de balanço trimestral, as ações do SoftBank (9984) fecharam em alta de 5,4% em Tóquio superando o desempenho dos ativos no índice Nikkei 225 (N225).

Leia mais: Melhores desempenhos das empresas de tecnologia nos EUA.

Softbank (9984) tem prejuízo bilionário com investimento em ações
Fonte: (Reprodução/Internet)

Softbank (9984) investe em gigantes do mercado americano

Com o investimento de US$ 1,3 bilhão, o Softbank (9984) comprou ações de marcas do segmento de tecnologia como Amazon (AMZN), Microsoft (MSFT) e Netflix (NFLX) gerando uma exposição de cerca de US$ 50 bilhões.

ANÚNCIO

Alguns observadores chamaram o fundador e CEO da SoftBank (9984) de “baleia” do Nasdaq (IXIC), conceito dado a um investidor de peso que tem o poder de movimentar os mercados por conta própria.

Entretanto, Son rejeitou a descrição afirmando que a estratégia mais recente da companhia é investir em companhias de alta liquidez e produtos derivados como um programa piloto.

“Quando você fala em derivativos, parece muito arriscado, mas é apenas 1% do valor total de nossas participações”. Se os investimentos fracassarem, “o dano é de apenas 1% -2% ,do total de ações da SoftBank, ou seja, apenas uma pequena fração de todo o quadro”, disse o executivo.

ANÚNCIO

Empresa reporta lucro de bilhões

Também, o conglomerado japonês divulgou lucro de US$ 6 bilhões no terceiro trimestre, revertendo prejuízo de US$ 6,8 bilhões registrado no mesmo período do ano passado.

Anteriormente, a companhia chegou a abandonar medida de lucro depois que seu foco crescente em investimentos em tecnologia deixou a métrica prejudicada por reavaliações de papel.

Além disso, a empresa passou a valer ainda mais com a recompra de ações, alimentada por uma venda imediata de cerca de US$ 40 bilhões em ativos, que ajudou a empurrar as ações da SoftBank (9984) para uma alta de quase 20 anos dando à empresa um valor de mercado de US$ 143 bilhões.

Traduzido e adaptado por Equipe Folha Capital.

Fonte: CNN.

ANÚNCIO