Pronampe – Banco do Brasil atinge R$3,7 bi em empréstimos

ANÚNCIO

Desde o começo da pandemia, créditos  foram liberados às empresas impactadas pela crise causada pelo coronavírus. Ainda sim, microempresários do país tiveram dificuldade em ter acesso a esses valores.

Diante disso, o Governo Federal criou o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte, o Pronampe, com o intuito de atender às necessidades destes negócios.

ANÚNCIO

A Caixa Econômica Federal já vinha oferecendo o empréstimo que foi programado para destinar 3 bilhões de reais aos empreendedores. Recentemente, o Banco do Brasil inciou as operações, atingindo o marco de 3,7 bilhões de linha de crédito.

Pronampe - Banco do Brasil atinge R$3,7 bi em empréstimos
Fonte: (Reprodução/Internet)

Acompanhe o andamento dos empréstimos concedidos aos donos de pequenos negócios no país.

Orçamento do Pronampe esgota no Banco do Brasil

No começo do mês de julho, Rubem Novaes, presidente do Banco do Brasil, anunciou em transmissão online que o banco daria início aos serviços de empréstimos referente ao Pronampe.

ANÚNCIO

Rubem informou também que o orçamento inicial para o bloco de operações era de 3,7 milhões de reais, com o objetivo de assistir cerca de 180 mil micro e pequenos empreendimentos.

Depois de nove dias da implementação do programa, a instituição declarou que os créditos concedidos chegaram ao valor limite e que apenas 6% dos solicitantes ficaram sem finalizar a transação.

A porcentagem corresponde ao número de 60 mil negócios que fizeram o requerimento junto ao banco. Com registro citado, o Banco do Brasil foi a primeira instituição bancária que teve o orçamento do empréstimo esgotado.

ANÚNCIO

Revisão dos valores da linha de crédito

Com o encerramento dos recursos financeiros voltados ao projeto, o Ministério da Economia contatou o BB para que fosse feita uma avaliação do aumento do limite inicialmente estipulado. Porém, ainda não há resposta sobre a ampliação.

Pronampe - Banco do Brasil atinge R$3,7 bi em empréstimos
Fonte: (Reprodução/Internet)

Atualmente, apenas as instituições bancárias estatais estão oferecendo esta linha de crédito. De acordo com o Economia Uol, apenas a Caixa, o Banco da Amazônia e o Banco do Brasil estão autorizados a realizar as operações.

Outros bancos planejam oferecer o crédito

Até o momento, cerca de 20 empresas da iniciativa privada estão averiguando se irão aderir o projeto em seus serviços.

O Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) e o Itaú Unibanco já foram considerados aptos para darem início ao fornecimento do recurso. O Itaú declarou que começará a disponibilizar o crédito nos próximos dias.

O Bradesco também se manifestou sobre a adesão e informou que a implementação ocorrerá em agosto deste ano. Por fim, o Santander ainda está em processo de adequação para inserir o Pronampe em suas atividades.

ANÚNCIO