Pix: Entenda como funciona o novo sistema de pagamento do Banco Central

ANÚNCIO

Em junho, o Banco Central anunciou ao público Pix, o novo sistema de pagamento instantâneo da autarquia que possibilita usuários fazer transferências e pagamentos em tempo real.

O programa também funciona 24 horas e todos os dias da semana, incluindo feriados, sábados e domingos. Além disso, essas funcionalidades serão gratuitas para pessoa física.

ANÚNCIO

Com o lançamento do Pix no dia 16 de novembro, o processo de cadastro para utilizar a ferramenta já está disponível. Entenda como funciona a operação de pagamentos do BC.

Pix: Entenda como funciona o novo sistema de pagamento
Fonte: (Reprodução/Internet)

Como funciona o sistema Pix?

  • Possibilita transferências dentro de segundos;
  • Serviço gratuito para pessoa física;
  • Transferência bancária disponível por 24 horas;
  • Funciona de domingo a domingo;
  • Oferece pagamento de contas.

Ainda, conforme o BC com sistema de pagamento Pix o usuário poderá fazer compras nas lojas sem boleto ou cartão de crédito. Neste caso, o consumidor só irá precisar fazer a leitura do QR code.

Como ter acesso à ferramenta?

  • Ser titular de conta em banco, carteiras digitais ou fintechs;
  • Cadastrar chave no Pix no aplicativo da instituição financeira;
  • Escolher no mínimo três chaves: e-mail, número do celular ou CPF.

Quanto à instituição financeira, o usuário precisa estar vinculado a uma empresa que possua autorização do Banco Central para oferecer o sistema.

ANÚNCIO
Pix: Entenda como funciona o novo sistema de pagamento
Fonte: (Reprodução/Internet)

Em relação à chave do Pix, este dado é a informação principal para efetuar as operações. Por exemplo, se alguém precisar transferir dinheiro a um terceiro, não precisará mais de dados bancários desta outra pessoa, mas sim da chave cadastrada.

Pix é considerado um sistema seguro, afirmam especialistas

De acordo com especialistas do mercado, o sistema de pagamentos do BC irá possuir as mesmas regras de segurança das operações das instituições financeiras.

O funcionamento do sistema está condicionado à realização do login no aplicativo do banco contratado pelo usuário. Logo, as operações não poderão ser realizadas via Pix sem as informações ou cadastros biométricos.

ANÚNCIO

Isto não exclui a possibilidade de tentativas de fraude, portanto, o ideal é não compartilhar as informações de login e códigos de confirmação para terceiros.

ANÚNCIO