IRB (IRBR3) aponta prejuízo no último trimestre

ANÚNCIO

A resseguradora IRB Brasil (IRBR3) apontou prejuízo de 686,1 milhões de reais no segundo trimestre, após encerrar o período com lucro de 13,9 milhões de reais. 

O resultado divulgado encontra-se bem abaixo do registrado no mesmo período do ano anterior, que foi um lucro de 397,5 milhões de reais. O resultado ficou em 83,3% negativo, ante ao fechamento positivo de 43,2% entre abril e junho de 2019. 

ANÚNCIO

No primeiro trimestre de 2020, a empresa também indicou números melhores com retorno positivo de 1,5%. O baixo desempenho veio após a companhia passar por reestruturação interna devido à irregularidades fiscais. 

IRB (IRBR3) aponta prejuízo no último trimestre
Fonte: (Reprodução/Internet)

Acompanhe o desempenho trimestral da resseguradora brasileira.

Performance da IRB (IRBR3) é afetada pela pandemia 

Além do IRB (IRBR3) se envolver em polêmicas de manipulação contábil, ocasionando na perda de 10 bilhões de reais em valor de mercado, a resseguradora acumulou prejuízos nos últimos meses. 

ANÚNCIO

A empresa reportou queda na sua performance do segundo trimestre que foi afetada sobretudo pela pandemia do coronavírus. A companhia também atribuiu a baixa de alguns setores à desvalorização do Real frente ao Dólar.

  • Prejuízo de 671,2 milhões de reais acumulado entre janeiro e junho deste ano.

Despesas de sinistros sobem no segundo trimestre

O IRB (IRBR3), que teve capitalização coordenada pelos bancos Itaú (ITUB4) e Itaúital.com/search/Bradesco”>Bradesco (BBDC4), afirmou que as despesas de sinistros aumentaram principalmente nos setores de vida e patrimônio na demanda nacional. Já no exterior, os gastos subiram para a divisão rural e patrimonial. 

  • Emissão de prêmios (apólices): 2,543 bilhões de reais, contra 2,355 bilhões na comparação anual;
  • Prêmios retidos: 1,710 bilhões de reais;
  • Prêmios ganhos: 1,73 bilhão de reais;
  • Sinistros retidos: 2,33 bilhões de reais, ante 798,7 bilhões de reais no segundo trimestre de 2019.

Na divulgação do relatório, a empresa também informou que tem promovido o pagamento das obrigações dentro do prazo, assim como cumprido as tratativas sobre sinistros. Ainda, ressaltou que essas operações têm atendido aos critérios de contabilidade.

ANÚNCIO

Resseguradora tem prejuízo no underwriting 

O IRB (IRBR3) indicou resultado negativo de 1,037 bilhão de reais na divisão de underwriting, setor de análise de risco das resseguradoras, entre abril e junho deste ano ante 296,9 milhões de reais na comparação anual. 

  • Índice de sinistralidade: encerrou o período em 135,3%, contra 58% no segundo trimestre de 2019.

Por fim, o IRB (IRBR3) complementou que ainda é incerto o impacto final da crise da Covid-19 nos negócios. Logo, isto poderá afetar a rentabilização das reservas técnicas das empresas que atuam no setor de seguro e resseguro.

ANÚNCIO