Governo tenta fazer com que crédito chegue aos pequenos empresários

ANÚNCIO

Desde quando as medidas de incentivo fiscal para microempresas foram anunciadas, empresários de todo o país tem buscado pelos financiamentos em diversos bancos. Afinal, a crise chegou para todos eles.

De acordo com informações noticiadas na mídia, o índice dos pedidos de falência sofreu aumento nos últimos meses.  Com o intuito de frear o crescimento desses dados, o governo federal tem criado formas de concessão de recursos para os pequenos negócios do país.

ANÚNCIO

No entanto, o alcance desses auxílios pelos brasileiros tem sido dificultoso. Recentemente, o Ministério da Economia comentou em uma coletiva a respeito das tentativas do governo para desenrolar este procedimento.

pequenos empresários
Fonte:(reprodução/internet)

Governo tenta fazer com que crédito chegue aos pequenos empresários. Veja as recentes informações sobre a concessão de financiamento para as micro empresas. Confira também o atual pronunciamento do secretário do Ministério da Economia sobre o assunto.

Concessão de crédito para pequenas empresas

No mês de maio, o Presidente da República sancionou projeto de lei que tinha como proposta a criação de linha de crédito voltada exclusivamente para os pequenos negócios. A propositura ocorreu em razão de reclamações dos microempresários em obter recursos junto aos bancos.

ANÚNCIO

O incentivo instituído foi o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte – Pronampe. O projeto foi aprovado prevendo a concessão de 15 bilhões de reais para os pequenos empreendimentos.

O governo faria o repasse aos bancos, os quais concederiam mediante solicitação e aprovação às pessoas jurídicas. No entanto, algumas reclamações surgiram pois mesmo com tantos projetos voltados para o auxílio a este público, a concessão não tem acontecido.

Mas, segundo o presidente do Banco do Brasil , instituição que também recebeu repasse para o programa, informou que ainda esta semana ocorrerá a normalização para os financiamentos. Segundo o site do Senado, a demora foi fundamentada na quantidade excessiva de pedidos.

ANÚNCIO

Pagamento mais acessível

Devido às dificuldades do alcance dos empresários aos recursos de empréstimo, algumas alterações foram feitas no Pronampe. Para tornar o pagamento do crédito mais acessível ao público, Bolsonaro decidiu pela implementação de carência no financiamento.

O que isso significa? Por exemplo, se você se dirigir ao banco buscando por empréstimos, algumas dessas instituições podem optar em instituir um prazo para começar o pagamento das parcelas.

Isso ajuda o solicitante se preparar financeiramente para quitar o primeiro montante. Facilitando assim, o adimplemento para o cliente. Essa mesma condição, foi adotada pelo governo. As pequenas empresas que forem beneficiadas pelo crédito terão até 8 meses iniciar a quitação.

Segundo informações do Correio Braziliense, pode-se entender que os bancos tem a opção de conceder a período de carência de até 8 meses, isto é, o prazo pode ser inferior a este. A negociação irá depender de qual instituição e contrato será negociado com a empresa.

Pronunciamento do Ministério da Economia

Na segunda feira (8), devido às pressões do Congresso Nacional e da população em relação a linha de crédito, o secretário do Ministério da Economia resolveu se pronunciar. Ele afirmou, que o governo federal tem pensado em formas alternativas para tornar eficaz o acesso ao recurso.

Ressaltou ainda, que existe uma maneira simplificada de realizar a operação. Ela seria a garantia integral do Tesouro Nacional na concessão do crédito. Caso seja garantida a operação pelas instituições bancárias, o procedimento pode ser mais lento e oneroso.

Isso acontece pois querendo ou não, a concessão de crédito é um risco corrido pelo banco. O que pode culminar em elevação de juros e taxas. Logo, a obtenção do recurso pode ser desmotivadora para os micro empreendedores.

Enfim, conforme reportado pelo portal  G1, o Ministério assegura que as medidas adotadas visando incentivos fiscais são eficazes e que o governo tem trabalhado para a melhoria desta logística. Com o intuito de facilitar que o crédito chegue aos pequenos empresários.

ANÚNCIO