Daimler (DAI) eleva projeção de lucros com demanda na China

ANÚNCIO

Nesta sexta-feira (23), a Daimler (DAI) elevou sua perspectiva de lucro para 2020 após o salto recorde de 24% na demanda chinesa por seus carros Mercedes-Benz. O crescimento resultou no aumento aumento dos lucros da marca no terceiro trimestre. 

A divulgação veio após a empresa alertar que o avanço de novas infecções da Covid-19 poderia dificultar a previsão trimestral. Segundo o diretor financeiro da companhia, Harald Wilhelm, este cenário pode tornar as projeções cada vez mais difíceis. 

ANÚNCIO

Em contrapartida, a Daimler (DAI) anunciou que 2 mil funcionários aderiram ao plano de demissão voluntária, medida adotada pela empresa para cortas os custos e compensar lucros mais baixos de carros híbridos e elétricos nos trimestres anteriores. 

Daimler (DAI) eleva projeção de lucros com demanda na China Company > Locations”>
Fonte: (Reprodução/Internet)

Daimler (DAI) tem lucro de 3,48 bilhões de euros no terceiro trimestre

No terceiro trimestre a Daimler (DAI) reportou lucro de 3,48 bilhões de euros, ante 3,14 bilhões no ano passado. Já as margens líquidas mostraram recuperação apesar do avanço pequeno das vendas de veículos elétricos e híbridos menos lucrativos. 

Conforme a montadora, as vendas de carros de baixa emissão devem acelerar no quarto trimestre, com entregas na casa dos milhares de três dígitos impulsionadas pela demanda maior na China. Também, complementou que os veículos foram todos vendidos com lucro ajudando a cumprir as metas de emissões.

ANÚNCIO

Leia mais: Fabricante europeia anuncia corte de gastos na Mercedes-Benz.

Vendas de carros da Mercedes Benz caem 4% 

Consoante às demonstrações financeiras, as entregas de carros e vans da Mercedes-Benz, marca do grupo Daimler (DAI), tiveram queda de 4% no trimestre na comparação anual puxado pela pandemia do coronavírus que continuou a pesar sobre a demanda. 

Ainda sim, os preços mais altos e a queda nos custos fixos beneficiaram o retorno ajustado sobre as vendas de sua divisão de carros e vans da Mercedes-Benz que aumentaram 9,4% entre os meses de julho e setembro.

ANÚNCIO

Com o resultado misto, a empresa voltou a falar que espera que as vendas e receitas gerais em 2020 sejam significativamente menores do que os números registrados em 2019.

Traduzido e adaptador por Equipe Folha Capital

Fonte: Reuters.

ANÚNCIO