Após vazamento de e-mail, ações da Tesla disparam e devem bater valor histórico

ANÚNCIO

As ações da Tesla,  montadora norte-americana, obtiveram ganhos extraordinários no primeiro semestre do ano. Porém, a empresa passou pela desvalorização de 10% dos seus ativos após o CEO da marca afirmar que seus papéis estavam caros no mercado.

Ainda sim, o mês de junho fechou com com resultados mais satisfatórios para a companhia. Prova disso é o registro da valorização acionária que ultrapassa 150% só nos seis primeiros meses de 2020.

ANÚNCIO

Um acontecimento inesperado fez com que a fabricante se tornasse concorrente direta da montadora japonesa Toyota, que atualmente é avaliada em 202 bilhões de dólares. Já a Tesla, antes do elemento surpresa estava sendo avaliada em 201 bilhões.

Após vazamento de e-mail, ações da Tesla disparam e devem bater valor histórico
Fonte: (Reprodução/Internet)

Entenda a repercussão do conteúdo da mensagem enviada.

Mensagem eletrônica foi fator decisivo no mercado

A última terça-feira (3) marcou o vazamento de uma mensagem eletrônica enviada por Elon Musk , fundador da companhia, à sua equipe.

ANÚNCIO

Depois de passar por alguns momentos isolados de fracasso, o ano de 2020 tem sido positivo para a fábrica de carros elétricos, Tesla. Recentemente, a marca registrou valorização de mais de 8% em um único dia.

No e-mail, o CEO tratou da ocorrência de um fenômeno financeiro chamado break even, que ocorre quando uma empresa consegue atingir o alinhamento entre custos e receita no seu orçamento.

“O break even está super próximo. Cada carro que vocês constroem e entregam realmente faz a diferença. Por favor, façam o possível para a vitória” afirmou o CEO, Elon Musk.

ANÚNCIO

Após vazamento de e-mail, ações da Tesla disparam e devem bater valor histórico
Fonte: (Reprodução/Internet)

O mercado financeiro foi à loucura com as breves palavras e gerou impactou também no resultado das ações da companhia. A Tesla já vinha registrando feitos positivos este ano, como o aumento da demanda de fabricação e entrega dos automóveis.

Mesmo com a crise causada pelo novo coronavírus, a instituição conseguiu crescer em faturamento. O que levou ao bilionário Elon Musk reunir 24 bilhões a mais no seu patrimônio. A tendência é que os bons ventos continuem a favorecer a montadora do americano.

Toyota perde o posto

A montadora japonesa,Toyota, atualmente é avaliada em 202,9 bilhões, ficando atrás da Tesla com 207,9 bilhões de dólares. A marca americana fechou o primeiro dia do mês de julho com a valorização de 37,7% de seus papéis, segundo fontes do InfoMoney.

Além de ultrapassar a concorrente asiática no posto de montadora mais valiosa do mundo, também passou à frente das concorrentes da mesma casa, General Motors e Ford. Hoje, o império de Elon Musk vale quase quatro vezes mais que as fábricas citadas.

Por fim, as projeções é de que a Tesla aumente as negociações de seus produtos com a China, o que resultaria numa demanda de no mínimo 100 mil automóveis. Para os especialistas, o desenvolvimento da companhia é um cenário atípico do restante do mundo.

ANÚNCIO