Ações da Netflix (NFLX) caem com crescimento lento do número de assinantes

ANÚNCIO

Nesta quarta-feira (21), as ações da Netflix (NFLX) operam em queda de 6,41% na Nasdaq (IXIC) após a empresa divulgar um crescimento lento em novas assinaturas e lucros abaixo do esperado.

Com o resultado, analistas apontam que o gigante do streaming pode estar diminuindo puxado pelo prolongamento da pandemia do coronavírus.

ANÚNCIO

Nos últimos dois trimestres, a empresa registrou crescimento significativo no número de assinantes nos últimos dois trimestres, o que ajudou a elevar suas ações em quase 70% este ano.

Ações da Netflix (NFLX) caem com crescimento lento do número de assinantes
Fonte: (Reprodução/Internet)

Netflix (NFLX) registra 2,2 milhões de assinantes no terceiro trimestre

Segundo a Netflix (NFLX), no trimestre encerrado em 30 de setembro a marca obteve 2,2 milhões de membros líquidos, ante 6,8 milhões de novos assinantes durante o mesmo período do ano anterior.

No total, a plataforma de streaming tem quase 195,2 milhões de usuários, abaixo dos 196,2 milhões referente à projeção dos analistas de Wall Street. Inicialmente, a marca  esperava obter 2,5 milhões de assinaturas entre os meses de julho e setembro.

ANÚNCIO
  • BDR Netflix (NFLX34): – 6,62%

A empresa atribuiu a desaceleração do número de assinantes aos resultados recordes do primeiro semestre. Logo, o terceiro trimestre teria demanda mais fraca com tantos novos clientes nos primeiros meses do ano.

Plataforma de streaming tem lucro bilionário abaixo do esperado

Ainda, a companhia informou lucro de US$ 6,4 bilhões no terceiro trimestre, abaixo da projeção de US$ 6,38 bilhões dos analistas consultados pela Refinitiv.

Leia mais: Ações de plataformas online lideram queda no mercado americano.

ANÚNCIO

“O estado da pandemia e seu impacto continuam a tornar as projeções muito incertas, mas como o mundo se recupera em 2021, esperamos que nosso crescimento volte a níveis semelhantes aos pré-COVID”, declarou a empresa em um comunicado.

Traduzido e adaptado pela Equipe Folha Capital.

Fonte: CNN

ANÚNCIO